Postagens populares

Mostrando postagens com marcador Rally dos Sertões. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Rally dos Sertões. Mostrar todas as postagens

Rally dos Sertões divulga lista de inscritos para edição 2018 com recorde na categoria UTV

Categoria UTV bateu recorde no número de inscritos (Marcelo Machado Melo/Fotop/Vipcomm)
Prova começa em Goiânia dia 18 e chegará dia 25 de agosto na capital do Ceará
A edição de número 26 do Rally dos Sertões, prova que será disputada de 18 e 25 de agosto entre Goiânia e Fortaleza, terá 312 competidores, divididos em 196 carros, motos, quadriciclos e UTVs nas categorias Cross Country e Regularidade, além das expedições de carro e moto.

Uma das maiores provas off-road do mundo terá roteiro desafiador com 3.607 quilômetros pelos estados de Goiás, Bahia, Piauí e Ceará e recorde absoluto no número de inscritos na categoria UTV, com 46 veículos participantes.

Veja a lista completa dos inscritos

Motos
Nas categorias de competição, a maior quantidade de inscritos está nas motos. Sessenta pilotos participarão do Rally dos Sertões e buscarão completar o percurso que passa pelos estados de Goiás, Bahia, Piauí e Ceará. Destacam-se nesta lista os nomes de Jean Azevedo, dono de sete títulos, e Gregório Caselani, vencedor em 2016, e José Hélio Filho, pentacampeão da prova, e Tiago Fantozzi.

Ricardo Martins, Tunico Maciel e Júlio Zavatti, o Bissinho, também  estão confirmados nas motos. A presença feminina em duas rodas é garantida com três das 15 mulheres inscritas para a edição deste ano: Moara Sacilotti, Janaína de Souza e Líbera Costabeber.

Os UTVs, categoria mais nova do Rally dos Sertões, bateu recorde absoluto no número de participantes. Serão 46 veículos na edição deste ano, recorde de participantes (em 2017 foram 34). E a disputa vai ser acirradíssima, já que campeões da categoria Carros, como Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin, Riamburgo Ximenes e João Franciosi, entraram com tudo na categoria esse ano.

Varela, que faz o primeiro Sertões nos UTVs, correrá em família mais uma vez, tendo como concorrente o filho, Bruno, campeão nesta categoria no ano passado, e os irmãos Gabriel e Rodrigo. Na lista dos UTVs, outro nome de peso: Edu Piano, com vários títulos no currículo.

Os UTVs contarão também com a dupla formada por Leandro Torres e Lourival Roldan, que venceu o Dakar 2017, assim como Varela/Gugelmin. Os UTVs também terá a participação de dois campeões dos quadriciclos: Edgley Lacerda Sobrinho e Cristiano de Sousa Batista.

Carros
Nos carros, 50 veículos e cem pilotos e navegadores disputarão o Sertões deste ano no Cross Country e Regularidade. Aparecem na lista os atuais bicampeões Cristian Baumgart e Beco Andreotti, e Marcos Baumgart e Kleber Cincea. Luiz Facco e Humberto Ribeiro, donos de títulos na Super Production em 2009 e 2010, e na Pró-Brasil, em 2015, estrearão na classe T1 – FIA. Glauber Fontoura e Minae Miyauti participam mais uma vez da prova na classe Protótipos T1 e defendem o título conquistado ano passado.

A divisão dos carros ainda contará com pilotos e navegadores vindos do exterior especialmente para o Rally dos Sertões. São os casos do sul-africano e Gareth Woolridge, que terá como navegador Marcelo Haseyama, e dos argentinos Fernando Alvarez e Juan Pablo Monasterolo.

A prova terá ainda sete competidores nos quadriciclos. Entre os participantes, um dos destaques é o maranhense Marcelo Medeiros, bicampeão do Sertões.

O Rally dos Sertões é organizado pela Dunas Race e tem patrocínio da Mitsubishi, Honda, Divino Fogão e Caixa. Apoio institucional: Detran Goiás, Estado de Goiás, Secretaria de Turismo de Fortaleza, Prefeitura de Fortaleza e Conselho Nacional do SESI. Apoio: Cartões ELO, Fox Sports, Truckvan, S.A.S. Brasil, Infraero, Vigor, Fotop, Arco Media, 99 e Jovem Pan Goiânia e Fortaleza.


Vipcomm - Assessoria de Imprensa Rally dos Sertões

Rally dos Sertões anuncia roteiro de "volta às origens"; prova passará por quatro estados

    Goiás, Bahia, Piauí e Ceará fazem parte do trajeto, que terá 3.607 quilômetros
  
 
  Foi revelado na noite desta quinta-feira (10) no MIT Point do Shopping JK Iguatemi, em São Paulo, o roteiro da 27ª edição do Rally dos Sertões. O maior rali do país e um dos maiores do mundo começa no dia 18 de agosto em Goiânia (GO) e percorrerá mais de 3.600 quilômetros, passando por quatro estados – Goiás, Bahia, Piauí e Ceará -, para ver a bandeira quadriculada em Fortaleza (CE), no dia 26.
   O trajeto foi mostrado por Marcos Moraes, diretor-geral da Dunas Race, empresa que organiza o Sertões. “Optamos por um traçado mais técnico e difícil. Acho que iremos superar a edição do ano passado não só pelo nível das especiais, mas também pelo cansaço e determinação dos pilotos em chegar às cidades-dormitório”, ressalta Marcos, lembrando que em 2018 os deslocamentos entre os trechos estão maiores.

    O primeiro dia de prova, entre Goiânia e Formosa, em Goiás, já “presenteia” os competidores com quase 700 quilômetros entre trecho cronometrado (de 300 km) e deslocamentos. A especial mais longa é a da quinta etapa, entre Barra (BA) e São Raimundo Nonato (PI), com 400 difíceis quilômetros compostos basicamente de areia, um dia após a etapa maratona (entre Luís Eduardo Magalhães e Barra, na Bahia) na qual os competidores terão encarado 478 quilômetros sem nenhum tipo de intervenção técnica por parte de suas equipes.
   “Este rali está entre os três melhores que já fizemos, entre todas as edições do Sertões”, aponta Du Sachs, diretor técnico da prova e responsável pelo levantamento do roteiro.  “Todos os dias os pilotos e navegadores encontrarão uma dificuldade diferente e específica, então não vai ter dia de moleza”, afirma. “Nem mesmo no último dia de rali, porque será uma especial de 200 quilômetros que poderá mudar tudo se o piloto não tiver cabeça: ela vai dar muito trabalho e será necessário muito cuidado”, ressalta.
    Com 56% do total de quilômetros compostos por trechos cronometrados – 2.043 de 3.607 quilômetros -, o Rally dos Sertões 2018, que desde 1993 desbrava o coração do Brasil, terá trechos inéditos, como na segunda (Formosa – Posse) e a quarta etapa (Luís Eduardo Magalhães – Barra).
  “É uma prova completa, com boa logística para apoio e muitos desafios aos competidores. Uma prova que resume bem a essência do Rally dos Sertões”, conclui Marcos Moraes.

Roteiro do Rally dos Sertões 2018

Domingo (19/08)
1ª Etapa
Goiânia (GO) - Formosa (GO)

Deslocamento Inicial – 250 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 300 km
Deslocamento Final – 170 km
Total do dia: 690 km
Segunda (20/08)
2ª Etapa
Formosa (GO) - Posse (GO)

Deslocamento Inicial – 29 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 307 km
Deslocamento Final – 50 km
Total do dia: 386 km
Terça (21/08)
3ª Etapa
Posse (GO) - Luís Eduardo Magalhães (BA)

Deslocamento Inicial – 24 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 255 km
Deslocamento Final – 71 km
Total do dia: 350 km
Quarta (22/08)
4ª Etapa
Luís Eduardo Magalhães (BA) - Barra (BA)

Deslocamento Inicial – 123km
Trecho Especial (Cronometrado) – 355 km
Deslocamento Final – 0
Total do dia: 478 km
Quinta (23/08)
5ª Etapa
Barra (BA) - São Raimundo Nonato (PI)

Deslocamento Inicial – 0km
Trecho Especial (Cronometrado) – 400 km
Deslocamento Final – 46km
Total do dia: 446 km
Sexta (24/08)
6ª Etapa
São Raimundo Nonato (PI) - Juazeiro do Norte (CE)

Deslocamento Inicial – 39 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 226 km
Deslocamento Final – 338 km
Total do dia: 603 km
Sábado (25/08)
7ª Etapa
Juazeiro do Norte (CE) - Fortaleza (CE)

Deslocamento Inicial – 166 km
Trecho Especial (Cronometrado) – 200 km
Deslocamento Final – 288 km
Total do dia: 654 km
Total geral: 3607 km
O Rally dos Sertões é organizado pela Dunas Race e tem patrocínio da Mitsubishi, Honda, Divino Fogão e Cartões Elo. Apoio institucional do Detran de Goiás, dos governos do Estado do Ceará e de Goiás e da prefeitura de Fortaleza.


                  Rally dos Sertões 2018
Vipcomm Assessoria de Imprensa e Conteúdo

MAIS VISITADAS DO SITE